Capcom está preparando um remake de Resident Evil 1 de acordo com rumores

A Capcom anuncia mais uma vez o remake de Resident Evil 1. De acordo com informações fornecidas por Dusk Golem, renomado leaker do gênero terror, e Biohazard Declassified, YouTuber especializado em jogos de sobrevivência, a Capcom planeja dar nova vida ao jogo que está sendo lançado. tudo começou, o primeiro Resident Evil.

Detalhes do REMAKE de Resident Evil 1 (2026) | Discussão de rumores

Biohazard Declassified afirma ter recebido um e-mail anônimo informando que o jogo, com o título provisório Biohazard: Resident Evil 1, será mais lento que o REMAKE de RE2, contará com uma “câmera em primeira pessoa diferente” e explorará ainda mais o universo de RE1. Alega-se também que cada Zumbi terá seu próprio modelo único devido ao baixo número de inimigos no jogo, inimigos “esponja de bala” e ao retorno dos Crimson Heads.

Além disso, “não haverá mais fundos pré-renderizados”; “Cada moeda carregará os ativos de fundo e o restante dos ativos carregará quando as portas forem abertas. Isso é para melhorar o visual e a iluminação.”

Informações sobre o NOVO REMAKE de Resident Evil 1 🚨

Golem acessou as redes sociais no domingo para confirmar o boato. “Posso confirmar que um novo remake de Resident Evil 1 está em produção e planejado para lançamento durante o 30º aniversário da franquia em 2026”, disse Golem no X/Twitter.

“Algumas das informações que circulam são verdadeiras, como o facto de ser na terceira pessoa. Se eu tivesse que adivinhar da mesma forma, provavelmente seria Resident Evil 1.”

Embora Golem esteja certo sobre alguns vazamentos iniciais – notadamente aqueles relacionados a Silent Hill 2 Remake, Alone in the Dark e Resident Evil: Village – seu histórico não é totalmente impecável, então isso só pode ser interpretado como um boato com uma dose enorme. de cautela neste momento.

Curiosamente, Golem fez afirmações semelhantes no início deste mês, dizendo que Resident Evil 9 “deverá ser revelado muito em breve e lançado no próximo ano”.

Fonte: www.eurogamer.net